96,5 MUTUM
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
2 meses atrás - 31/05/2022

SINOP: liberada terceira dose de vacina para menores de 12 a 17 anos

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

Já está disponível nas Unidades Básicas de Saúde de Sinop a terceira dose dos imunizantes contra Covid-19 para população de 12 a 17 anos, seguindo a nova recomendação do Ministério da Saúde, cuja nota técnica foi publicada na sexta-feira (27). Anteriormente, a terceira dose (ou dose de reforço) estava liberada apenas para o público adulto, ou seja, acima de 18 anos.


Conforme o documento, a dose de reforço deve ser aplicada quatro meses após a segunda dose, preferencialmente com a vacina da Pfizer, independentemente da dose aplicada anteriormente. Se houver indisponibilidade da vacina, a Coronavac pode ser usada. Os dois imunizantes são autorizados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para essa faixa etária. A recomendação também vale para adolescentes gestantes e puérperas. No caso dos adolescentes imunocomprometidos, apenas a vacina da Pfizer deve ser utilizada.


Para vacinar, o menor precisa estar acompanhado por algum responsável legal e é importante, também, a apresentação dos documentos pessoais, o cartão de vacinação e o cartão SUS.


Confira os locais de vacinação contra Covid-19 de segunda à sexta-feira em Sinop:


VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 -  (12 anos ou mais)


De segunda à sexta-feira - das 7h às 17h30


CIA Jacarandás


CIA Umuarama


CIA André Maggi


 


De segunda à sexta-feira, das 7h às 10h30 e das 13h às 16h30:


UBS Palmeiras


UBS Primaveras


UBS São Francisco


UBS Nações


UBS Oliveiras


UBS Camping Club


UBS Alto da Glória


UBS Gente Feliz


UBS São Cristóvão


UBS Ibirapuera


UBS Maria Vindilina II


 


QUEM PODE RECEBER A VACINA CONTRA COVID-19?


1ª e 2ª doses: crianças com 05 anos ou mais e adultos.


3ª dose (ou dose de reforço): disponível para pessoas com 12 anos ou mais.


4ª dose: disponível para idosos com 60 anos ou mais e, também, para pessoas imunocomprometidas a partir de 12 anos.


Compõe o grupo de imunocomprometidos: pessoas com imunodeficiência primária grave; em quimioterapia para câncer; transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) uso de drogas imunossupressoras; pessoas vivendo com HIV/AIDS; uso de corticóides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias; uso de drogas modificadoras da resposta imune; auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias; pacientes em hemodia?lise e pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas.

FONTE: Assessoria