96,5 MUTUM
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
3 meses atrás - 18/06/2020

SINOP: Forças de segurança realizarão ação integrada durante decreto de toque de recolher

Foto: Vanessa Kienen
Foto: Vanessa Kienen

Prefeitura e forças de segurança de Sinop estiveram reunidos na tarde desta quinta-feira, 18, para anunciar como será a fiscalização no município em virtude do Decreto 141/2020 que institui o fechamento do comércio às 21h30 e o toque de recolher às 22h30 às 5h, no período compreendido do dia 19/06 (amanhã), até o dia 05 do próximo mês de julho.


A partir desta sexta, Guarda Civil Municipal, Policia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Procon e Vigilância Sanitária estarão percorrendo as ruas de Sinop para fiscalizar o cumprimento do decreto e aplicar as devidas sansões em casos contrários. Serão observados, ainda, o uso correto das máscaras de rosto, a disposição de álcool em gel e o distanciamento das mesas, em caso de bares e restaurantes, assim como o distanciamento de pessoas e a não aglomeração.


O descumprimento do Decreto 141/2020 poderá acarretar em multa de até R$42 mil, levando, inclusive, ao fechamento imediato do estabelecimento, ou ainda, acarretando em prisão. A exceção é para serviços essenciais como, por exemplo, hospitais, clínicas de urgência, postos de combustíveis exceto suas lojas de conveniência, setor de hotelaria, taxis e aplicativo de transporte individual, entre outros. Já a circulação de pessoas durante esse horário só será permitida mediante comprovação de necessidade e de maneira individual, sem acompanhamento.


Segundo a prefeita Rosana Martinelli, que elogiou o papel da imprensa em informar e chamou a atenção dividindo a responsabilidade com todos, a medida do toque de recolher é necessária para frear a curva da contaminação, manter a saúde da população e a saúde econômica do município. “Nós não estamos querendo multar ninguém, autuar ninguém, mas conscientizar que a população tenha esse cuidado com si próprio. Nós temos a recomendação do governador para o lockdown, mas nós preferimos nessa fase até o dia 05 de julho [toque de recolher], que pode ser mudado a qualquer momento, pois se todos nós, juntos, conseguirmos controlar e todos nós nos cuidarmos tenho certeza que vamos ter menos casos”.


Já o secretário de Trânsito e Transporte Urbano, Hermann Friederich, pediu o apoio da população e reforçou a seriedade da Covid-19. Ele falou da dificuldade em enfrentar essa pandemia que assola Sinop, o Brasil e o mundo e conclamou o sinopense para ajudá-los na missão de fiscalizar. “E, mais uma vez, conclamamos que todos entrem nessa luta juntos e, para que isso ocorra temos uma operação de fiscalização, mas o mais importante é que colaborem ficando em casa”.


De acordo com o comandante da Polícia Militar de Sinop, coronel Sodré, esta luta para frear o número de contaminação pelo Covid-19 é uma luta de todos. “O importante é que, hoje, não tem órgão municipal, não tem órgão estadual, o que existe é uma união, uma integração de todas as forças para fazer frente, fazer esse enfrentamento qualificado, repressivo e preventivo ao alastramento dessa contaminação que vem sendo observado por todos vocês”.