96,5 MUTUM
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
1 mês atrás - 24/12/2021

Detran orienta motoristas quanto aos cuidados para uma viagem segura

Foto por: Marcos Vergueiro/Secom-MT
Foto por: Marcos Vergueiro/Secom-MT

Com a proximidade das festas de fim de ano, muitos motoristas irão viajar por vias terrestres para aproveitar as datas comemorativas em outras localidades. O Detran-MT orienta quanto a alguns cuidados em relação ao veículo e ao transporte dos passageiros, animais e cargas para chegar ao destino com tranquilidade e segurança. Pneus, estepe, óleo do motor, freios, limpador de para-brisa e todo o sistema elétrico como faróis, lanternas, setas e piscas devem estar em perfeitas condições de uso antes de pegar a estrada. 


Também devem ser verificados os itens obrigatórios do veículo como triângulo, para sinalização de acidente ou pane durante o percurso, macaco e chave de roda, para realizar a troca de pneus, caso seja necessário. Não transportar objetos soltos dentro do veículo, pois em uma frenagem eles podem se deslocar e causar lesões aos ocupantes. As bagagens devem ser acomodadas de forma correta e proporcional dentro do porta-malas, para não atrapalhar a visão do motorista por meio do espelho central.


Durante a viagem, todos os ocupantes do veículo devem usar o cinto de segurança e as crianças somente nos assentos obrigatórios indicados conforme a faixa etária, como o bebê-conforto, cadeirinha, assento de elevação e demais equipamentos de segurança. Importante atentar quanto às mudanças trazidas pela Lei Federal nº 14.071/2020 para o transporte de crianças em veículos e motocicletas. Com a nova lei, o bebê conforto deve ser usado para crianças de até um ano e até 13 quilos. A cadeirinha para crianças de 01 a 04 anos e que tenham entre 9 e 18 quilos. Já o assento de elevação é indicado para crianças com idade entre 4 e 7 anos e meio, que não tenham atingido 1,45m de altura e com peso entre 15 e 36 quilos.


Para as crianças com mais de 7 anos e meio até 10 anos de idade e que ainda não tenham atingido 1,45 m de altura o transporte deve ser realizado no banco traseiro utilizando o cinto de segurança. No caso de motos, a lei traz a proibição do transporte de criança menor de 10 anos ou sem condições de cuidar da própria segurança.


Se for transportar animais como cães e gatos, estes devem estar de peitoral e guia adaptada ou caixas específicas de transporte individuais para fixação ao veículo. Dessa forma, em uma possível frenagem mais brusca, o bichinho não será lançado contra as partes internas do veículo ou até mesmo contra o condutor. Para garantir uma viagem mais segura, o Detran reforça ainda quanto a importância de o motorista estar descansado e jamais ingerir bebida alcoólica antes de pegar a direção do veículo. Tanto o sono quanto a ingestão de álcool reduzem os reflexos e a atenção, aumentando as chances de acidentes graves e até com vítimas fatais.


O condutor também deve atentar-se quanto a documentação do veículo, para evitar possíveis transtornos em uma abordagem de fiscalização de trânsito, comum em época de grande movimento nas estradas e rodovias.

FONTE: Assessoria