96,5 MUTUM
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
2 meses atrás - 08/06/2022

SINOP: Mês dedicado a doação de sangue destaca importância da ação voluntária

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

Conhecido como “junho vermelho”, o mês é dedicado a conscientização da população sobre a importância da doação de sangue e, desse modo, angariar mais doadores voluntários. Em Sinop, ao longo de 20 anos de existência, a Unidade de Coleta e Transfusão (UCT) tem em seus registros a participação aproximada de 25 mil pessoas.


A contadora Samara Luz, 28 anos, é umas das pessoas presentes na relação, com pelo menos cinco doações feitas nos últimos anos. Para ela, a ação é um gesto de amor ao próximo. “Ter a consciência de que essa atitude tão pequena irá ajudar tantas pessoas e salvar vidas aquece o coração e, de uma certa maneira, deixa a sensação de dever cumprido. As vezes pela correria da vida acabamos não dando a importância devida à doação de sangue, mas, é algo que deveríamos dar uma atenção especial”, pontuou.


Uma única doação pode salvar até quatro vidas e é com essa consciência que o jornalista Roneir Corrêa, 27 anos, também costuma procurar a UCT para fazer sua contribuição. “Poder compartilhar com alguém a vida é o que mais me motiva a doar sangue. Sei que muitos dependem de um pouco desse material para sobreviver e sei também que, tendo saúde, posso contribuir com a permanência da história de pelo menos quatro pessoas. Para mim, a maneira mais sincera de demonstrar compaixão, é doar um pouco de si para alguém desconhecido de você. Doar sangue me traz vida”, destacou.


Uma pessoa adulta tem, em média, 5 litros de sangue e, em cada doação, o máximo retirado é de 450 ml. Essa única doação, que leva um tempo aproximado de 10 minutos, pode salvar até quatro vidas. Os homens podem doar até quatro vezes ao ano (de 2 em 2 meses); já as mulheres, até três (de 3 em 3 meses). Só entre janeiro a abril, a UCT registrou a participação de 1,3 mil doadores e a arrecadação de 3,3 mil bolsas.


“O mês busca incentivar mais pessoas a participar desse gesto. Somos a única fonte e a quantidade de sangue retirada não afeta a saúde do doador, já que a recuperação é imediata”, lembrou a secretária de Saúde, Daniela Galhardo.


Para doar, é necessário que o munícipe siga algumas orientações, como: estar em boas condições de saúde; ter entre 16 e 69 anos (menores de 18 anos só podem doar acompanhados do responsável legal); pesar no mínimo 50 quilos; estar descansado (com no mínimo 6 horas de sono); estar alimentado, evitando produtos gordurosos e muito doces; não ingerir bebidas alcoólicas nas 24 horas que antecedem a doação e, também, apresentar documento com foto, cartão SUS e endereço com CEP.


A UCT está localizada na rua das Amendoeiras, anexo ao Hospital Regional de Sinop e funciona das 7h às 12h. Os telefones de contato são (66) 9 9292-2634 e (66) 3531-7325.

FONTE: Assessoria