96,5 MUTUM
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
3 semanas atrás - 02/07/2021

Secretarias de Assistência Social de Sinop e Sorriso distribuem cobertores para famílias carentes

As Secretarias de Assistência Social tanto de Sinop, como de Sorriso, estão realizando a distribuição de cobertores para moradores de rua e famílias carentes.


A origem das doações vem do Governo de Mato Grosso, por meio do Programa Aconchego, que repassou mil cobertores para Sorriso e 800 para Sinop, que estão sendo entregues em ambas as cidades.


Em Sorriso, por exemplo, além dos cobertores, também estão sendo doadas peças de roupas. Por lá, a ação teve início na última semana e segue enquanto durar a baixa temperatura aqui na região.


Em Sinop, a ação também não tem uma data certa para terminar. Mas segundo a secretária de assistência social, Scheila Pedroso, metade das doações já foram entregues.  


“O objetivo é entregar todos os 800. Atualmente nós já entregamos praticamente a metade, para principalmente as pessoas que estão em situação de rua, por vontade delas. O município oferece acolhimento, porém é uma escolha de vida delas”, contou.


Ainda de acordo com Scheila, não é preciso fazer parte de nenhum cadastro, basta procurar a equipe do CRAS, aqui em Sinop.


“A doação ela não precisa ter cadastro, ela precisa ser solicitada nas unidades dos CRAS e na própria Secretaria de Assistência Social e as técnicas de referência vão fazer a triagem das pessoas para a entrega dos cobertores. Então não é necessário exatamente um cadastro somente solicitar na unidade do CRAS e a técnica provavelmente fará uma visita ou se já tem conhecimento se a família é atendida pelo CRAS”, explicou.


Lembrando que esta já é terceira edição do Programa Aconchego realizada pela Governo Estadual. Ao todo, desde 2019, a ação beneficiou aproximadamente 500 mil pessoas desde nos 141 municípios do Estado.


Vale ressaltar que ação como essas é de extrema importância nesse momento de baixa temperatura. Conforme já notíciamos no Meridional Notícias, na manhã desta última quinta-feira (1), o corpo do morador de rua, João Maria Ortis, de 57 anos, foi encontrado aqui em Sinop.


A Politec ainda está fazendo a perícia para confirmar a causa da morte. Mas como o corpo não apresentava nenhuma perfuração e nem sinais de violência, a principal suspeita é que o homem tenha morrido, por hipotermia, ou seja, devido a baixa temperatura que Sinop registrava na madrugada em que ele morreu.

FONTE: Lívia Kriukas