96,5 MUTUM
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
1 mês atrás - 07/04/2022

Irmão de Rodrigo Mussi diz que ex-BBB ‘ainda está em estado grave, mas muito melhor’

Foto: Instagram
Foto: Instagram

Em entrevista ao Jornal Nacional, nesta quarta-feira (6), o irmão do ex-BBB22 Rodrigo, Diogo Mussi, disse que o estado de saúde dele ainda é grave, mas que ele apresenta sinais de melhora, após o grave acidente de carro que sofreu em São Paulo na última semana.


“Ele dá sinais claros de que está começando a acordar. O despertar, os médicos explicaram que tem que ser lento. Então, eles vão controlando para que ele vá despertando lentamente, até para ele entender onde ele está, o que está acontecendo. São muitas lesões. Então, tem remédio para dor também. Ontem, ele abriu um dos olhos, ele parece que ficou consciente, mais ou menos por uns cinco minutos. Ele respondeu à médica que perguntou se ele estava ouvindo, ele balançou a cabeça positivamente. Então, em menos de uma semana, pelo trauma, a recuperação dele tem sido muito boa”, disse Diogo.


Rodrigo Mussi sofreu traumatismo craniano, teve uma fratura na perna direita e lesões na coluna após um acidente na última quinta. Ele estava no banco de trás de um carro de aplicativo, sem cinto de segurança, e acabou sendo arremessado para a parte da frente do veículo.


O ex-BBB passou por duas cirurgias, na cabeça e na perna, e deve realizar uma terceira nesta quinta (7), novamente na perna, para retirar o fixador externo, conhecido como “gaiola médica”, e colocar uma haste de sustentação no osso da tíbia, de acordo com a reportagem do JN.


De acordo com o irmão de Rodrigo, também será realizada uma “ressonância na coluna para saber a gravidade, se é procedimento cirúrgico ou não. Não se sabe se pegou medula ou não, mas muito provavelmente não. Ele está com os movimentos do corpo, ele está com movimentos não involuntários”, disse Diogo Mussi.


Ainda segundo o jornal, o irmão do ex-BBB foi até a delegacia nessa quarta para fazer uma representação criminal contra o motorista de aplicativo envolvido no acidente de seu irmão. O delegado responsável pelo caso, Júlio Geraldo, aguarda a conclusão da perícia para fazer um relatório final, que será apresentado ao Ministério Público.

FONTE: Isto é