96,5 MUTUM
AO VIVO
COMPARTILHE
COM OS AMIGOS!
1 semana atrás - 29/04/2021

Sinop suspende aplicação da 2ª dose da vacina contra Covid-19 por falta de imunizante

FOTO: Prefeitura de Sinop
FOTO: Prefeitura de Sinop

A segunda dose da vacinação contra a Covid-19 foi suspensa em Sinop, por falta de imunizantes. Este é terceiro município que suspende a vacinação por falta de doses, assim como Barra do Garças e Rondonópolis. A Prefeitura de Sinop disse em nota que a vacinação da segunda dose com o imunizante Coronavac está temporariamente suspensa. Só a vacina da Astrazeneca está sendo aplicada na campanha que ocorre nesta quinta e sexta-feira, até que cheguem mais doses da Coronavac. Ainda segundo o município, a suspensão desta vacinação não causa prejuízos à população, considerando que grande parte das aplicações previstas até 30 de abril foram feitas de forma antecipada no decorrer do mês e, também, na ação drive-thru, feita no último sábado (24) justamente para segunda dose. Agora a secretaria aguarda o envio de mais doses pelo Ministério da Saúde. O problema da falta de segunda dose nos estados aconteceu depois que o Ministério da Saúde, ter recomendado o uso de todo o estoque da vacina como primeira dose após "garantia da segurança das entregas por parte dos fornecedores". Depois, mudou a orientação ao recomendar reserva de imunizantes.
 
A CoronaVac tem de ser aplicada em um intervalo de até 28 dias. Se houver atraso, a orientação é tomar o quanto antes e o atraso, segundo o Ministério da Saúde, não compromete a imunização da população. O imunizante do Instituto Butantan é a principal vacina do programa nacional de imunização contra a Covid-19: corresponde a 76% das vacinas aplicados na população brasileira, segundo dados do Ministério da Saúde.

FONTE: G1